Idéia e Conceito

4, o que é uma idéia ou um conceito?

4 o algarismo é um conceito que representa uma idéia, qual seja a do número quatro (tudo é número, diz Pitágoras), que pode ser representado por inúmeras formas = IV, IIII, etc. Deduzimos que conceito "são mecanismos mentais que permitem ao homem empreender, externamente, a luta com os desafios específicos da natureza externa e da realidade social"[¹]. Os conceitos são utilizados como ferramentas mentais que tornam possível o conhecimento por parte do intelecto, bem como a operacionalização da ciência em tela . O Direito é um campo do saber repleto de conceitos: constituição, legítima defesa, crime, bom pai de família, etc.

Todo conceito tem atrás de si, animando-o, uma ou várias idéias. O perigo é não diferenciarmos as idéias e os conceitos, visto que os dois são semelhantes, mas totalmente diversos "quem inventou o amor teve certamente inclinações musicais, tantas canções parecidas mas tão desiguais, são como as coisas da vida, coisas tão parecidas, mas tão desiguais..." [²].

Idéias e conceitos divergem na sua serventia e no modo através do qual eles se dão a conhecer. Conceito já vimos para que serve, idéias "movem o homem em direção ao confronto de suas duas naturezas devido ao seu poder de sustentar a ação do autoquestionamento total." Idéias são, portanto, ferramentas do autoquestionamento, veículos de crescimento pessoal e espiritual. Conceitos são apreendidos, podem ser guardados na nossa memória e os acessamos quando necessário. Já idéias são objeto de uma integral aprendizagem[³] requerem não um relacionamento professor/aluno, mas uma comunhão de saberes entre mestre/discípulo. Pitágoras na sua comunidade, Platão na Academia, Aristóteles no Liceu, Goffredo Telles Jr. no Largo de São Francisco, etc. A lista, felizmente, foi só exemplificativa...

A aridez existencial de nossos tempos tecnoburocráticos em grande parte é devida a conceitualização das idéias. Sufocam-se as buscas internas, hiperestimulam-se as atividades esotéricas. Deprimentes tempos em que NO LIMITE substitui SAI DE BAIXO.

Para concluir e a Internet, caros navegantes, queridas internautas o que é? Para mim, idéia de um novo espaço cósmico...

[¹] NEEDELEMAN, Jacob. O Coração da Filosofia. 2 ed. São Paulo: Palas Athena, 1991, p.51
[²] Inclinações Musicais. Música de Geraldo Azevedo.
[³] Em Uma Aprendizagem ou o Livro dos Prazeres. Clarice Lispector nos fornece pistas de como vivenciar a idéia de amor.

Guilherme Assis de Almeida é advogado, doutorando em Filosofia do Direito pela USP e Professor Universitário.


Leia Mais Artigos:

Autonomia da Escola: Possibilidades, Limites e Condições

Como Ser Bem Sucedido

Os Conceitos Jurídicos Indeterminados

Pesquise abaixo sobre filosofia:

Elaborado e Idealizado por Rosana Madjarof — Mantido por Carlos Duarte